Campanha da Fraternidade Ecumênica será lançada nesta quarta de cinzas

6 fev 2016

A CFE/2016 será oficialmente lançada no dia 10 de fevereiro, na sede da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), em Brasília. Haverá transmissão, ao vivo, pelas emissoras de inspiração católica e pela Rede Católica de Rádio. Em breve será divulgada a programação de lançamento na Diocese de Cajazeiras-PB.  

A Campanha da Fraternidade deste ano será Ecumênica e tem como tema “Casa comum, nossa responsabilidade” e como lema “Quero ver o direito brotar como fonte e correr a justiça qual riacho que não seca” (Am 5.24).

Diferentes subsídios, para crianças, jovens e adultos, foram produzidos pela comissão organizadora da Campanha da Fraternidade deste ano, cujo manual é dividido em temáticas. Além da oração, hino, apresentação e texto-base, são propostos onze encontros, com abordagens específicas, de acordo com os diferentes públicos.

Em vista da Campanha da Fraternidade, a CNBB publicou subsídios e roteiros para Círculos Bíblicos, Encontros Catequéticos para crianças, adolescentes e para jovens estudantes, como também para Famílias, além de Vias-Sacras Ecumênicas, Vigílias de oração e celebração da misericórdia.

Reflexão

A Campanha da Fraternidade Ecumênica 2016 (CFE/2016) terá início na Quarta-feira de Cinzas, 10 de fevereiro, e prosseguirá até Domingo de Ramos, 20 de março.

Este ano, a Campanha da Fraternidade é realizada pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) em parceria com o Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil (Conic). A proposta está em sintonia com a Encíclica do Papa Francisco, “Laudato Si”, que visa o aprofundamento, com a sociedade, de questões como o saneamento básico, a fim de garantir desenvolvimento, saúde integral e qualidade de vida aos cidadãos.
Quaresma
O papa Francisco acentua aos cristãos nesta Quaresma alguns aspectos. Tempo de renovação para a Igreja, para as comunidades e para cada um dos fiéis. Quaresma é sobretudo um “tempo favorável” de graça. Francisco pede para que não fiquemos indiferentes com os que sofrem. Por isso classifica que as pessoas vivem na ‘globalização da indiferença’. O Papa roga que “os lugares onde a Igreja se manifesta, particularmente as paróquias e comunidades, se tornem ilhas de misericórdia no meio do mar da indiferença”. O Papa pede orações na Quaresma e indica uma iniciativa: ” 24 horas para o Senhor. Ele pede que nos dias 13 e 14 de março, a Igreja acentue esse propósito. Em seguida, sugere ainda gestos de caridade, tanto a quem vive próximo de nós como a quem está longe, graças aos inúmeros organismos caritativos da Igreja.
Quarta-Feira de Cinzas
É o primeiro dia da Quaresma no calendário cristão. As cinzas que os cristãos católicos recebem neste dia são um símbolo para a reflexão sobre o dever da conversão, da mudança de vida, recordando a passageira, transitória, efêmera fragilidade da vida humana, sujeita à morte.
Ela ocorre quarenta dias antes da Páscoa (sem contar os domingos) ou quarenta e seis dias (contando os domingos). Seu posicionamento no calendário varia a cada ano, dependendo da data da Páscoa. A data pode variar do começo de fevereiro até à segunda semana de março. Como é o primeiro dia da Quaresma, ele ocorre um dia após o Carnaval.

Comentários

Nome

E-mail

Comentário